Listas

10 Leituras para o Halloween

Quem aqui também é louco por Halloween? Como uma amante do terror, não podia deixar essa data passar em branco! Assim como fizemos com filmes algumas semanas atrás, aqui vai uma lista com 10 leituras para a época mais assombrada do ano.

Quem aqui também é louco por Halloween? Como uma amante do terror, não podia deixar essa data passar em branco! Assim como fizemos com filmes algumas semanas atrás, aqui vai uma lista com 10 leituras para a época mais assombrada do ano.

Ghost Story

Na pacata cidadezinha de Milburn, a Sociedade Chowder ― formada por um grupo de quatro velhos amigos se reúne todo mês para contar histórias em encontros regados a bebidas e charutos. Algumas são verdadeiras, outras inventadas… mas todas elas têm algo em comum: são terrivelmente assustadoras. Mas uma história chega para mostrar suas garras no presente e assombrá-los. Algo que eles fizeram muito tempo atrás. Um erro grotesco. Um acidente terrível. Agora, pesadelos fazem com que eles inevitavelmente sejam atraídos pelo sobrenatural. 

Essa está sendo a minha leitura de Outubro. Apesar de ser um livro um pouco parado no início, tem personagens interessantes e alguns momentos de gelar a espinha.

Salem

Após a chegada de forasteiros, fatos inexplicáveis vêm perturbar a rotina provinciana de Jerusalem’s Lot: uma criança é encontrada morta; habitantes começam a desaparecer sem deixar vestígios ou sucumbem a uma estranha doença. A morte passa a envolver a pequena cidade com seu toque maléfico e Ben e Mark são obrigados a escolher o único caminho que resta aos sobreviventes da praga: fugir. Mas isso não será tão simples, os destinos de Ben, Mark, Barlow e Jerusalem’s Lot estão agora para sempre interligados.

Eu não sou a maior fã de histórias de vampiros, porém esse é um dos meus livros do King favoritos. A forma como o autor escreve o Mark serviu de exemplo para futuros escritores.

Sempre Vivemos no Castelo

Merricat Blackwood vive com a irmã Constance e o tio Julian. Há algum tempo existiam sete membros na família Blackwood, até que uma dose fatal de arsênico colocada no pote de açúcar matou quase todos. Acusada e posteriormente inocentada pelas mortes, Constance volta para a casa da família, onde Merricat a protege da hostilidade dos habitantes da cidade. Os três vivem isolados e felizes, até que o primo Charles resolve fazer uma visita que quebra o frágil equilíbrio encontrado pelas irmãs Blakcwood. Merricat é a única que pressente o iminente perigo desse distúrbio, e fará o que for necessário para proteger Constance.

Embora não tenha nenhum elemento tipicamente sobrenatural, o isolamento e a loucura cumprem esse papel perfeitamente bem.

O Que Aconteceu com Annie

Quando Joe Thorne era adolescente, sua irmã mais nova desapareceu. Vinte e cinco anos depois, um e-mail anônimo o leva mais uma vez ao passado: “Eu sei o que aconteceu com sua irmã. Está acontecendo de novo.” Atolado em dívidas e bem longe do vilarejo onde cresceu, Joe precisa escapar das pessoas perigosas que estão atrás dele, mas também vê a oportunidade de resolver o que arrasta consigo há mais de duas décadas. Retornar a Arnhill parece a única opção.

Você pode conferir a resenha completa aqui.

Território Lovecraft

Nos Estados Unidos segregados da década de 1950, Atticus é um rapaz negro, veterano da Guerra da Coreia, fã de H. P. Lovecraft e outros escritores de pulp fiction. Ao descobrir que o pai desapareceu, ele volta à cidade natal para, com o tio e a amiga, partir em uma missão de resgate. Na viagem até a mansão do herdeiro da propriedade que mantinha um dos ancestrais de Atticus escravizado, o grupo enfrentará sociedades secretas, rituais sanguinolentos e o preconceito de todos os dias.

Você pode conferir a resenha completa aqui.

Outsider

O corpo de um menino de onze anos é encontrado abandonado no parque de Flint City, brutalmente assassinado. Testemunhas e impressões digitais apontam o criminoso como uma das figuras mais conhecidas da cidade: Terry Maitland, treinador da Liga Infantil de beisebol, professor de inglês, casado e pai de duas filhas, o caso parece resolvido. Mas conforme a investigação se desenrola, a história se transforma em uma montanha-russa. Terry Maitland parece ser uma boa pessoa, mas será que isso não passa de uma máscara? A aterrorizante resposta é o que faz desta uma das histórias mais perturbadoras de Stephen King.

Cheio de subtextos muito atuais, esse livro é composta pela narrativa envolvente de King e personagens incríveis, além, é claro, de um terror de primeira e um clima RPG que eu particularmente adoro.

Assombração da Casa da Colina

Sozinha no mundo, Eleanor fica encantada ao receber uma carta do dr. Montague convidando-a para passar um tempo na Casa da Colina, um local conhecido por suas manifestações fantasmagóricas. O mesmo convite é feito a Theodora, uma alma artística e sensitiva, e a Luke, o herdeiro da mansão. Porém, o que começa como uma exploração bem-humorada de um mito inocente se transforma em uma viagem para os piores pesadelos de seus hóspedes. Com o tempo, fica cada vez mais claro que a sanidade ― e a vida ― de todos está em risco.

Um dos meus livros favoritos, Assombração da casa da colina é uma leitura necessária para fãs de literatura gótica e uma aula de narrativa.

A Balada do Black Tom

Charles Thomas Tester luta para colocar comida na mesa e manter um teto sobre a cabeça de seu pai, aceitando fazer trambiques e trabalhos obscuros do Harlem a Red Hook. Quando faz a entrega de um livro oculto a uma feiticeira reclusa no coração do Queens, Tom abre uma porta para um domínio mais profundo de magia – despertando a atenção de seres que deveriam permanecer adormecidos.

Esse livro é ao mesmo tempo um tributo e uma crítica a Lovecraft. Baseado em um dos contos mais racista e xenofóbico do autor, Victor Lavalle consegue dar uma profundidade e melhorar o conto morno no qual foi baseado. Essa versão da morrobranco tem a versão original e a versão de Lavalle para comparação.

Silêncio da Casa Fria

Quando Elsie perdeu o marido apenas algumas semanas após o casamento, achou que já tinha sofrido o suficiente para uma vida inteira. Praticamente sozinha em uma casa enorme e isolada, ela jamais imaginou que os companheiros silenciosos ― painéis de madeira que imitavam pessoas em atividades cotidianas ―, um dia, seguiriam seus movimentos com os olhinhos pintados. Muito menos que eles apareceriam por conta própria em cômodos aleatórios…

Você pode conferir a resenha completa do livro aqui.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

DEVANEIOS DESCRITOS

Textos escritos por Luca Villaça

nocairdaspaginashome.wordpress.com/

Meu universo literário ao seu dispor

%d blogueiros gostam disto: